Sobre este blog

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Kenzo Takada encontra estilistas brasilienses

Márcia Lima, organizadora do Capital Fashion Week, recebeu para um almoço em homenagem ao estilista japonês radicado em Paris, Kenzo Takada. Kenzo desejava conhecer o trabalho dos criadores de moda de Brasília e Márcia reuniu o grupo lançado durante as 5 edições do CFW.

Márcia Lima, Carla Amorim, Kenzo e Angela Hirata

Kenzo esbanjou simpatia, assistiu a um pocket show com algumas criações desses estilistas, divertiu-se com a decoração em motivos tropicais criada por Fabíola Bahouth e falou de suas intenções em fazer negócios no Brasil: "Este é um país que pode transformar o mundo no século XXII. Terá oportunidade de realizar feitos importantes na área do meio ambiente, na moda. Se houver oportunidade para mim neste país, afirmo que tenho idade mas também tenho força e vontade. E gostaria de fazer alguma coisa com vocês, brasileiros."

Fabíola Bahouth, da Tim Tim, criou mesas alegres, com flores tropicais e frutas frescas; os convites, com croqui de Kenzo, e a papelaria do evento eram da Dot Paper e o bufett, de Renata La Porta

Ele conquistou os presentes quando vestiu uma camisa branca com frente em renda renascença, criada por Romildo Nascimento, que não podia esconder a euforia por ter sido alvo de tal honra. Era também assinado por Romildo o vestido em tom nude usado na ocasião pela primeira dama da capital, Karina Curi Rosso.

O homenageado pousa com os estilistas do CFW

Embaixatrizes Jocelybe Saint-Geours (França), Miriam Prata (Brasil) e Antonella La Francesca (Itália) com Kenzo, que usa a camisa criada por Romildo

Karina Rosso, vestindo Romildo Nascimento, Márcia e Yara Curi

Ministro Toshio Kunikata, embaixatriz Jocelybe Saint-Geours e Nikolas Kontoyanis

Marco Aurélio Lobo, da Apex, e embaixatriz Miriam Prata

Thales Sabino e o mestre Marco Antonio Vieira

Discreto e elegante no vestir, o detalhe dos sapatos de Kenzo fez toda a diferença 

Kenzo discursou em japonês e teve ajuda na tradução de Angela Hirata, empresária responsável pelo  revolucionário reposicionamento de marca das Havaianas que, de olho no mercado high end, introduziu o conceito de produto fashion e entrou em Paris pelas Galeries Lafaytte, conquistando a Europa e dali para o mundo para as "havies"

Fotos: Marri Nogueira e arquivo pessoal do blog via Iphone